Notícias

Dicas para melhorar a qualidade de vida na terceira idade

| Notícias, Publicações

Dicas para melhorar a qualidade de vida na terceira idade (1)

O prolongamento da vida só pode ser considerado como uma real conquista se, a esses anos adicionais, forem agregadas condições que possibilitem uma longevidade cada vez mais saudável e tranquila. Por isso, veja dicas e orientações sobre como melhorar a qualidade de vida do idoso e promover um envelhecimento ativo. Acompanhe!

Cuidados com a alimentação – Durante a terceira idade, o corpo passa por diversas mudanças e, com elas, surge a necessidade de adaptação dos hábitos alimentares. Algumas dicas de alimentação são essenciais à manutenção da saúde e à qualidade de vida. Entre elas estão, evitar alimentos processados industrialmente; reduzir a quantidade de sal e de açúcar na comida; incluir todos os nutrientes básicos na alimentação diária, como vitaminas, proteínas e minerais; priorizar a ingestão de alimentos que contenham cálcio, fibras e colágeno e garantir a ingestão de dois litros de água por dia.

Prática de exercícios físicos - Para os idosos, as atividades são recomendadas desde que eles tenham uma condição física equivalente à exigência dos exercícios. Entretanto, na terceira idade, mesmo os exercícios físicos mais suaves têm o potencial de auxiliar na manutenção da saúde. Assim, o ideal é que a prática ocorra sob supervisão de um profissional.

Estímulo das atividades intelectuais – Estimular as atividades intelectuais é uma das melhores alternativas para manter a autonomia, o que é essencial para o envelhecimento saudável. Vale destacar a intensa relação entre o estilo de vida e os hábitos cultivados ao longo da existência com a saúde no envelhecimento. Algumas práticas importantes podem retardar o efeito do declínio natural das funções cognitivas que acompanham o envelhecimento, são elas: ler e escrever diariamente; jogar cartas, montar quebra-cabeças e jogo da memória; usar a internet, descobrir novos aplicativos e funções das máquinas e aprender novas atividades, como dança, teatro ou tocar um instrumento musical.

Interação social saudável – Para aumentar o convívio social e melhorar a qualidade de vida pode ser interessante participar de eventos e ações de voluntariado;​promover a integração em programas culturais e artísticos e combinar encontros semanais entre os membros das famílias.

Boa administração financeira – Fazer um planejamento financeiro ao longo da vida é imprescindível para garantir maior tranquilidade durante o envelhecimento. Nesse sentido, cuidar bem das finanças é muito importante para assegurar a qualidade de vida. Afinal, nem sempre a verba da aposentadoria é suficiente para cobrir todas as despesas. Portanto, é fundamental priorizar medidas que propiciem a estabilidade financeira.

 

Fonte: blog.Longevitat

alteracao regulamentar-01

Alteração Regulamentar do Plano Multifuturo II

Em novembro, a Fusesc encaminhou à Superintendência Nacional de Previdência Complementar – PREVIC a correspondência pertinente às alterações no Regulamento do Plano de Benefícios Multifuturo II, após a aprovação do Conselho Deliberativo, conforme divulgado nesta notícia. Disponibilizamos o retorno da análise da Previc, que solicitou alguns ajustes, conforme abaixo: a)...

+ LEIA MAIS