Notícias

Como administrar e reduzir seus custos com viagens

| Notícias, Publicações

Quem não ama viajar, não é mesmo? Em meio à rotina corrida do dia-a-dia, o estresse e o cansaço, tentamos aproveitar ao máximo as férias e feriados e fugir um pouco do cotidiano.

Justamente por ser um momento para relaxar e sair da rotina, muita gente não se preocupa em organizar e planejar adequadamente os custos. Porém, deveria ser o contrário… Um bom planejamento vai permitir você aproveitar muito melhor sua viagem e não deixá-la afetar suas finanças pessoais do dia-a-dia.

Planejar custos de viagens é complicado e trabalhoso. Há muitas variáveis para se considerar e é necessário fazer muita pesquisa. Além disso, você tem diversas opções do que fazer durante uma viagem e dependendo das suas escolhas os custos poderão variar bastante. Por isso, muitos preferem não fazer uma boa organização e apenas estimar um custo total que não tem base para saber se é real.

Um bom planejamento e controle não significa necessariamente que você vai precisar detalhar cada passo que vai dar na viagem, cada lugar que vai, em cada momento, para seguir o planejamento a risca e os custos que você previu. Não é isso! Um bom planejamento precisa ter flexibilidade. Então, o que você precisa é saber todos os lugares que gostaria de ir ou que considera ir, passeios que gostaria de fazer, os custos associados a essas atividades, listar possíveis imprevistos que podem afetar seus gastos e assim, ter um custo total que vai ser muito próximo do real.

Se você tem o costume de fazer viagens curtas de final de semana, inclua esse gasto como fixo no seu planejamento mensal. Assim, você já deve reservar uma parte da sua remuneração para esse tipo de atividade.

Se você quer fazer uma viagem um pouco mais longa (mas não mais do que uma semana) deixe de viajar um mês ou dois, assim você acumula o dinheiro reservado para as viagens de fim de semana. E use esse valor acumulado para essa viagem maior.

Se você pretende fazer uma viagem longa (vai sair de férias, por exemplo), essa viagem vai ser muito mais cara e vai ter um impacto bem maior no seu planejamento financeiro. Provavelmente você não vai conseguir acumular dinheiro para essa viagem em um ou dois meses (a não ser que você pretenda fazer uma viagem muito barata). Nesse caso, se planeje e poupe com antecedência. A partir do momento que você souber que vai viajar, já comece a separar uma quantia do que você recebe todo mês para essa finalidade. O quanto antes você começar a planejar sua viagem e determinar o quanto ela vai custar, melhor. Assim, você planeja o valor total que vai precisar juntar e quanto tempo vai precisar para isso.

Fonte: Ananda Ribeiro/Administradores

Equipe fala sobre resultados do 1º semestre e perspectivas no podcast Fala Fusesc

O segundo episódio do podcast Fala Fusesc está no ar! Nele, falamos sobre como foi o cenário econômico no primeiro semestre, explicamos como a Fusesc alcançou resultados tão positivos mesmo num cenário de crise econômica mundial e ainda trouxemos o que podemos esperar para o segundo semestre. Para falar...

+ LEIA MAIS